Filhotes de cães e gatos - Canil e Gatil

Maine Coon Gatos Gigantes Filhotes Venda Comprar AmicatsCoon Petclube USA Brasil

Vendo Filhotes Gatos Raça Maine Coon Comprar Gato Gigante

Vendo Maine Coon Onde Comprar Gatos da Raça Maine Coon-gato gigante
 
maine1Moderno e Premiado Gatil Amicat de Juquitiba SP paraíso ecológico apenas 45 minutos do Morumbie granja Viana, faça lindo passeio e conheça a criação ecologicamente correta dos gatos gigantes maine coon, ragdoll, e do raríssimo bengal original amicats "mini onçinha"
 
Gatil Premiado 
AMICAT® Gatos-Gigantes Mainecoon,Bengal,Ragdoll,Exotic Persian & Mini Gato Toycat -(novidade)
Criação Gatos com Certificação IPC Ecologicamente Correta
F:(11)98485-4545 whatsapp hc F(11) 96393-1128 Dr Gabriel 
Contato: petclube.info@gmail.com  / amichettibully@gmail.com

Comprar Filhotes encontrados em feiras são considerados "filhotes tão somente para estimação e alguns de origem duvidosa". Em feiras os preços aparentemente atrativos podem esconder algum inconveniente de ordem inferior (saúde debilitada, excesso de cruzamento consangüíneo, mestiçagem)o preço cobrado por um criador sério sempre será superior por vir de reprodutores com linhagem e seletividade respeitável. 
femered 1Quando você compra um filhote em feiras ou exposições não pode avaliar as condições que o gatinho estava, ou conhecer os pais verdadeiros e ou outros adultos da raça.
Quase tão deficitários são os criadores amadores. Estes podem ser pessoas que realmente amam seus animais, mas começaram com gatos da raça maine coon com saúde debilitada, (pets)de qualidade muito baixa ao padrão da raça(talvez comprado de uma loja de animais)
As pessoas acabam pagando por um gato com o património gênico questionável, que podem ou não podem se assemelhar a um Maine Coon de raça pura, sem nenhum conhecimento de problemas de saúde que podem estar à espreita 

O Maine Coon é um gato nativo da América do Norte, mais especificamente na costa leste do Canadá, e se espalhou por toda a região. Seu nome é uma referência ao estado do Maine, nos Estados Unidos, pois lá que foi reconhecida como raça antes de estar presente por todo o país.É também conhecido como American Longhair, devido ao comprimento de seu pelo, e é a mais antiga raça de gato de pelo longo nativo da América do Norte, além de ser amaior de todas as raças de gato em comprimento.

Esse gatão é docil e extremamente amável, por isso recebeu o apelido de “gigante gentil”, e é tão querido que tem até um dia no calendário em sua homenagem, dia 8 de mao.

Principais características do Maine Coon

  • Coloração: todas as cores, com exceção de chocolate, lavanda, pontilhado e o padrão siamês.
  • Expectativa de vida: de 12 a 15 anos.
  • Olhos: grandes e expressivos. A cor dos olhos variam de verde ou dourada.
  • Nível de energia: médio.
  • Pelagem: bem longa, macia e densa, resistente a agua.
  • Qualidades principais: é gentil, carinhoso, ótimo com crianças e outros pets.
  • Tamanho/Peso: os machos pesam de 6 a 11 kg e as fêmeas pesam de 4.5 a 6,8 kg. A altura de adultos varia entre 25 e 41 cm e pode atingir um comprimento de até 100 cm.
  • Preço: de $ 2.500,00 a $ 6.000,00.

Conheça mais sobre esse gato gigante e gentil

1) É a maior raça de gatos domésticos

Maine Coon parece com um tigrinho ou um leãozinho 

Maine Coons são uma das maiores raças de gato doméstico. Os machos pesam 6,8 a 11 kg e as  com fêmeas pesam entre 4,5-6,8 kg, sua  altura também impressiona,  os adultos chegam a medir de 25 a 41 cm e podendo facilmente  atingir um comprimento de 120 cm, incluindo sua linda cauda bem peluda, que pode ainda chegar a 36 cm.

Apesar de serem bem grandes, os Maine Coons não precisam de muito espaço para se exercitar, são ótimos para apartamento.
Sua cauda, além de bem comprida, afina conforme vai chegando à ponta, e é muito peluda, parecendo a cauda de um guaxinim, e daí vem a segunda parte de seu nome: "Coon" faz referência ao Guaxinim.

O corpo é sólido e musculoso, o que é necessário para suportar seu próprio peso, e o peito é  bem amplo. O Maine Coon tem o corpo retangular e demora bastante para atingir a maturidade, só chega a atingir seu tamanho adulto aos cinco anos de idade, enquanto outros gatos o atingem até seu primeiro ano de vida. 

A pelagem é macia e sedosa, embora a textura possa variar de acordo com a cor da pelagem. Tem um denso subpelo, o que garante a maciez ao toque, mas a densidade de sua pelagem varia de acordo com as estações do ano.

Assim como seu corpo, suas garras também são maiores do que a dos outros gatos, e isso pode levá-lo a querer arranhar tudo o que vê pela frente para poder torná-las mais curtas.

2) Maine Coon se adaptou bem ao clima do Brasil

Maine Coon se acostuma muito bem a todos os tipos de clima

THINKSTOCK

Maine Coons têm várias adaptações físicas para a sobrevivência em climas de inverno rigoroso, típico de Maine. Sua pelagem resistente à água,  é bastante densa e se torna ainda mais longa e peluda, principalmente na parte posterior  e inferior de seu para uma proteção extra quando estão andando ou sentados em superfícies úmidas, com neve ou gelo.

A sua longa e espessa cauda de guaxinim é resistente ao afundamento em neve, e pode, inclusive, ser enrolada em torno de seu rosto e ombros para gerar calor e se proteger do frio, ou seja, essa raça usa sua própria cauda como um cachecol!

Sua cauda, além de servir como uma bela pashimina para rosto e pescoço, pode também servir de assento acolchoado: o Maine Coon transforma sua cauda em uma almofada peluda, enrolando-a em torno de sua parte traseira, para isolar seu corpo quando vai sentar em uma superfície gelada.

Suas grandes patas funcionam como raquetes  ao andar na neve, além de serem revestidas com verdadeiros tufos de pêlos longos que crescem entre os dedos das patas para ajudar a mantê-los quentes.

Mas, apesar de ter se adaptado para o frio, quando está em climas tropicais, como aqui, no Brasil, sua pelagem inteligente faz com que o subpelo se torne muito menos denso e que os pelos entre os dedos se tornem bem mais finos, dessa forma ele consegue conviver bem com o calorão do nosso país. Há quem acredite que esse tipo de felino ficaria desconfortável em climas tropicais, mas isso não acontece, além de ter pelagem inteligente, o Maine Coon adora um clima ameno, mais para o quente, e aproveita para tirar longas sonecas sem ter que se preocupar em proteger-se contra o frio! O estado do Maine também tem verão, e os termometros de lá podem atingir temperaturas tão altas quanto as daqui. O Maine Coon se adaptou para sobreviver no inverno rigoroso, mas certamente está acostumado e adora um calorzinho! 

A vantagem de ter um gatão desse, tão preparado para mudanças climáticas, é que ele não precisa ficar restrito aos ambientes fechados como algumas raças de gatos mais delicados, e pode tranquilamente circular pelo jardim, mesmo nos dias mais frios! Aqui vale lembrar que, apesar de não ter uma personalidade fujona, o Maine Coon ainda é um gato, e como tal, será curioso, então vale se certificar de que, mesmo no jardim, ou varanda, ele não tem por onde escapar. E esse gatão certamente não se sentirá desconfortavel em usar uma coleira com GPS, sim, você fica tranquilo de deixá-lo solto pelas áreas externas da casa, sem medo de perdê-lo!

3) Um gatinho de 10 quilos...

O Maine Coon não tem noção do seu tamanho

Se distraídos que o vêem pela primeira vez se assustam pois o confundem com um Lince , é simplesmente porque ainda não tiveram a chance de conhecer sua personalidade.

O Maine Coon é extremamente dócil, meigo, companheiro, é bastante ativo e adora brincar, apesar de não precisar de muito espaço para exercícios.

É muito amigável, dando-se bem com outros gatos e outros animais de estimação, como cachorros e até animais bem menores, como o furão e até mesmo aves.

Certamente fará festa para qualquer estranho que chegue perto, vai buscar carinho e ronronar sem parar. É um gato de fácil adaptação, é carente de cuidados e atenção, necessitando sempre companhia, então, se você está pensando em comprar um gato, pensando que todos eles são mais independentes e não precisam de tanta atenção, não opte pelo Maine Coon, já que ele não só quer companhia como precisa de contato com humanos para ser feliz.

Seu miado é um dos mais curiosos, pode ser inistente para pedir carinho e o som é semelhante a um grilo, ou seja, nada de rugidos ferozes para esse gigante, para ele só há espaço para um miado delicado em busca de amor.

É ótimo com crianças porque, além de ter bastante energia para brincar, é paciente e cuidadoso; realmente um gigante gentil. Donos de Maine Coons garantem que o gatinho é uma verdadeira "sombra": é tão apaixonado pelas pessoas que as segue a todos por todos os cômodos.

4) Maine Coon exige poucos cuidados

Maine Coon requer menos cuidados com a aparência e higiene entre os gatos de pelos longos

A primeira coisa que vem à mente quando se trata dos cuidados que Maine Coon exige é a sua incrível pelagem. A maioria das pessoas pode olhar para aqueles lindos pelos longos e se sentir desistimulada a comprar esse gato por acreditar que ele vai dar mais trabalho que qualquer outro, mas isso não é verdade, o Maine Coon, de todas as raças de pelo longo, como o Persa,  é a de mais fácil manutenção. Ainda assim, é um gato de pelo longo e certamente vai exigir mais cuidados que um gato de pelo curto, como o Exótico ou o Bengal.

É bom escová-lo pelo menos 2 vezes por semana para que o pelo não embarace e para que os fios soltos não sejam engolidos enquanto ele realiza sua própria higienização. Escová-lo, além de deixá-lo lindo, ajuda a diminuir ou até eliminar as bolas de pelo.

Para escová-lo, encontre uma boa escova, que tenha cerdas longas para poder alcançar o subpelo e não apenas o comprimento mais superficial. Se o subpelo não for escovado, pode embaraçar e resultar em nós dolorosos para seu pet. Uma boa dica é que muitos donos de Maine Coon preferem um pente a uma escova.

Desde que o pelo seja sempre escovado, o banho pode ser bem esporádico e acontecer uma vez a cada três meses.

Não é necessário, mas é possivel tosar o gatinho. Para essa raça, a tosa mais popular é a juba de leão, na qual o corpo tem o pelo bem curtinho, deixando apenas o comprimento do subpêlo, e o rosto mantém a aparência de pelo longo. Veja o perfil detalhado dos profissionais, a avaliação dos clientes sobre o seu trabalho e agende os banhos do seu pet pelo próprio computador. Assim, fácil e seguro!

Os olhos, focinho e orelhas não requerem grande atenção, apenas uma higienização superficial, uma vez por mês. As unhas também devem ser cortadas pelo menos uma vez por mês, para evitar desconforto e estragos na sua casa. E, lógico, não se esqueça de comprar arranhador para ele e evitar que os móveis de casa sejam destruídos!

Não é difícil ter espaço suficiente para o bem-estar desse gigante 

E então? Já considerou morar com um gigante? O Maine Coon é um gato lindíssimo, com uma personalidade amorosa, bondosa e verdadeiramente irresistível e pode ser ideal para você! Tanto é que um de seus exemplares mais célebres trabalhava como um gatinho terapeuta!

Stewie: o gato que levou a raça ao livro dos recordes

Esse célebre gigante conquistou o recorde e fez trabalhos sociais

Em 28 de agosto de 2010, no Humane Society Nevada, Mymains Stewart Gilligan, ou Stewie, como é popularmente conhecido, foi medido por membros do Guinness World ecords, livro que registra os mais variados recordes mundiais, em uma tentativa de quebrar o recorde mundial de maior gato doméstico do mundo.

Stewie media incríveis 123 cm de comprimento, distância da ponta do nariz até a ponta de sua cauda. Diante de várias testemunhas, a Dra. Judy Byarlay, médica veterinária que acompanhou e certificou a medição, submeteu o pedido de recorde ao Guiness e, em 12 de outubro do mesmo ano, Stewie recebeu o título de “Gato mais longo do mundo” e garantiu seu recorde mundial.

Esse super gatão aproveitou a fama que seu recorde gerou para trabalhar em causas nobres. Em junho de 2011, foi certificado como um gato terapeuta e ia regularmente passar seu  tempo com as pacientes de uma clínica em eno. Depois foi a vez de alegrar a vida de crianças que estavam internadas no Hospital Infantil de St. Jude, também em eno.

Infelizmente, no começo de 2012, Stewie foi diagnosticado com um câncer que crescia atrás de seuO Maine Coon é um gato nativo da América do Norte, mais especificamente na costa leste do Canadá, e se espalhou por toda a região. Seu nome é uma referência ao estado do Maine, nos Estados Unidos, pois lá que foi reconhecida como raça antes de estar presente.É também conhecido como American Longhair, devido ao comprimento de seu pelo, e é a mais antiga raça de gato de pelo longo nativo da América do Norte, além de ser amaior de todas as raças de gato em comprimento.

Esse gatão é docil e extremamente amável, por isso recebeu o apelido de “gigante gentil”, e é tão querido que tem até um dia no calendário em sua homenagem, dia 8 de maio.

Principais características do Maine Coon

  • Coloração: todas as cores, com exceção de chocolate, lavanda, pontilhado e o padrão siamês.
  • Expectativa de vida: de 12 a 15 anos.
  • Olhos: grandes e expressivos. A cor dos olhos variam de verde ou dourada.
  • Nível de energia: médio.
  • Pelagem: bem longa, macia e densa, resistente a agua.
  • Qualidades principais: é gentil, carinhoso, ótimo com crianças e outros pets.
  • Tamanho/Peso: os machos pesam de 5 a 11 kg e as fêmeas pesam de 4.5 a 6,8 kg. A altura de adultos varia entre 25 e 41 cm e pode atingir um comprimento de até 100 cm.
  • Preço: de $ 2.500,00 a $ 8.000,00.

Conheça mais sobre esse gato gigante e gentil

1) É a maior raça de gatos domésticos

Maine Coon parece com um tigrinho ou um leãozinho 

Maine Coons são uma das maiores raças de gato doméstico. Os machos pesam 5,8 a 11 kg e as  com fêmeas pesam entre 4,5-6,8 kg, sua  altura também impressiona,  os adultos chegam a medir de 25 a 41 cm e podendo facilmente  atingir um comprimento de 120 cm, incluindo sua linda cauda bem peluda, que pode ainda chegar a 36 cm.

Apesar de serem bem grandes, os Maine Coons não precisam de muito espaço para se exercitar, são ótimos para apartamento.
Sua cauda, além de bem comprida, afina conforme vai chegando à ponta, e é muito peluda, parecendo a cauda de um guaxinim, e daí vem a segunda parte de seu nome: "Coon" faz referência ao Guaxinim.

O corpo é sólido e musculoso, o que é necessário para suportar seu próprio peso, e o peito é  bem amplo. O Maine Coon tem o corpo retangular e demora bastante para atingir a maturidade, só chega a atingir seu tamanho adulto aos cinco anos de idade, enquanto outros gatos o atingem até seu primeiro ano de vida. 

A pelagem é macia e sedosa, embora a textura possa variar de acordo com a cor da pelagem. Tem um denso subpelo, o que garante a maciez ao toque, mas a densidade de sua pelagem varia de acordo com as estações do ano.

Assim como seu corpo, suas garras também são maiores do que a dos outros gatos, e isso pode levá-lo a querer arranhar tudo o que vê pela frente para poder torná-las mais curtas.

2) Maine Coon se adaptou bem ao clima do Brasil

Maine Coon se acostuma muito bem a todos os tipos de clima

Maine Coons têm várias adaptações físicas para a sobrevivência em climas de inverno rigoroso, típico de Maine. Sua pelagem resistente à água,  é bastante densa e se torna ainda mais longa e peluda, principalmente na parte posterior  e inferior de seu para uma proteção extra quando estão andando ou sentados em superfícies úmidas, com neve ou gelo.

A sua longa e espessa cauda de guaxinim é resistente ao afundamento em neve, e pode, inclusive, ser enrolada em torno de seu rosto e ombros para gerar calor e se proteger do frio, ou seja, essa raça usa sua própria cauda como um cachecol!

Sua cauda, além de servir como uma bela pashimina para rosto e pescoço, pode também servir de assento acolchoado: o Maine Coon transforma sua cauda em uma almofada peluda, enrolando-a em torno de sua parte traseira, para isolar seu corpo quando vai sentar em uma superfície gelada.

Suas grandes patas funcionam como raquetes  ao andar na neve, além de serem revestidas com verdadeiros tufos de pêlos longos que crescem entre os dedos das patas para ajudar a mantê-los quentes.

Mas, apesar de ter se adaptado para o frio, quando está em climas tropicais, como aqui, no Brasil, sua pelagem inteligente faz com que o subpelo se torne muito menos denso e que os pelos entre os dedos se tornem bem mais finos, dessa forma ele consegue conviver bem com o calorão do nosso país. Há quem acredite que esse tipo de felino ficaria desconfortável em climas tropicais, mas isso não acontece, além de ter pelagem inteligente, o Maine Coon adora um clima ameno, mais para o quente, e aproveita para tirar longas sonecas sem ter que se preocupar em proteger-se contra o frio! O estado do Maine também tem verão, e os termometros de lá podem atingir temperaturas tão altas quanto as daqui. O Maine Coon se adaptou para sobreviver no inverno rigoroso, mas certamente está acostumado e adora um calorzinho! 

A vantagem de ter um gatão desse, tão preparado para mudanças climáticas, é que ele não precisa ficar restrito aos ambientes fechados como algumas raças de gatos mais delicados, e pode tranquilamente circular pelo jardim, mesmo nos dias mais frios! Aqui vale lembrar que, apesar de não ter uma personalidade fujona, o Maine Coon ainda é um gato, e como tal, será curioso, então vale se certificar de que, mesmo no jardim, ou varanda, ele não tem por onde escapar. E esse gatão certamente não se sentirá desconfortavel em usar uma coleira com GPS, sim, você fica tranquilo de deixá-lo solto pelas áreas externas da casa, sem medo de perdê-lo!

3) Um gatinho de 10 quilos...

O Maine Coon não tem noção do seu tamanho

Se distraídos que o vêem pela primeira vez se assustam pois o confundem com um Lince , é simplesmente porque ainda não tiveram a chance de conhecer sua personalidade.

O Maine Coon é extremamente dócil, meigo, companheiro, é bastante ativo e adora brincar, apesar de não precisar de muito espaço para exercícios.

É muito amigável, dando-se bem com outros gatos e outros animais de estimação, como cachorros e até animais bem menores, como o furão e até mesmo aves.

Certamente fará festa para qualquer estranho que chegue perto, vai buscar carinho e ronronar sem parar. É um gato de fácil adaptação, é carente de cuidados e atenção, necessitando sempre companhia, então, se você está pensando em comprar um gato, pensando que todos eles são mais independentes e não precisam de tanta atenção, não opte pelo Maine Coon, já que ele não só quer companhia como precisa de contato com humanos para ser feliz.

Seu miado é um dos mais curiosos, pode ser inistente para pedir carinho e o som é semelhante a um grilo, ou seja, nada de rugidos ferozes para esse gigante, para ele só há espaço para um miado delicado em busca de amor.

É ótimo com crianças porque, além de ter bastante energia para brincar, é paciente e cuidadoso; realmente um gigante gentil. Donos de Maine Coons garantem que o gatinho é uma verdadeira "sombra": é tão apaixonado pelas pessoas que as segue a todos por todos os cômodos.

4) Maine Coon exige poucos cuidados

Maine Coon requer menos cuidados com a aparência e higiene entre os gatos de pelos longos

A primeira coisa que vem à mente quando se trata dos cuidados que Maine Coon exige é a sua incrível pelagem. A maioria das pessoas pode olhar para aqueles lindos pelos longos e se sentir desistimulada a comprar esse gato por acreditar que ele vai dar mais trabalho que qualquer outro, mas isso não é verdade, o Maine Coon, de todas as raças de pelo longo, como o Persa,  é a de mais fácil manutenção. Ainda assim, é um gato de pelo longo e certamente vai exigir mais cuidados que um gato de pelo curto, como o Exótico ou o Chartreux.

É bom escová-lo pelo menos 2 vezes por semana para que o pelo não embarace e para que os fios soltos não sejam engolidos enquanto ele realiza sua própria higienização. Escová-lo, além de deixá-lo lindo, ajuda a diminuir ou até eliminar as bolas de pelo.

Para escová-lo, encontre uma boa escova, que tenha cerdas longas para poder alcançar o subpelo e não apenas o comprimento mais superficial. Se o subpelo não for escovado, pode embaraçar e resultar em nós dolorosos para seu pet. Uma boa dica é que muitos donos de Maine Coon preferem um pente a uma escova.

Desde que o pelo seja sempre escovado, o banho pode ser bem esporádico e acontecer uma vez a cada três meses.

Não é necessário, mas é possivel tosar o gatinho. Para essa raça, a tosa mais popular é a juba de leão, na qual o corpo tem o pelo bem curtinho, deixando apenas o comprimento do subpêlo, e o rosto mantém a aparência de pelo longo. Os olhos, focinho e orelhas não requerem grande atenção, apenas uma higienização superficial, uma vez por mês. As unhas também devem ser cortadas pelo menos uma vez por mês, para evitar desconforto e estragos na sua casa. E, lógico, não se esqueça de comprar arranhador para ele e evitar que os móveis de casa sejam destruídos!

Gatos Ajudam Pessoas petclubecat filhotes mainecoon bengal ragdoll exotic munchkin

Untitled 2Ciencia Comprova a Importância da Convivência com Gatos Gigantes

O Petclube Cat possui linhas de sangue consagradas mundialmente com lindos Filhotes pQuem diria após centenas de anos de preconceito e perseguições, os gatos estão sendo absolvidos por meio de um papel inesperado: o de amigos e “terapeutas”.

A jornalista francesa Véronique Aïache explica, em seu livro La Ronron Thérapie, devidamente embasada por trabalhos científicos, como o convívio com gatos pode melhorar e muito a vida das pessoas.


Ela relata, por exemplo, pesquisas como a do veterinário francês Jean-Yves Gauchet, que testou o poder do ronrom - o som feito pelos gatos quando estão em repouso - em 250 voluntários, submetidos a uma gravação de 30 minutos do ruído de Rouky, o gato do veterinário. Segundo Véronique, ao fim do estudo, os participantes declararam sentir mais bem estar, serenidade e uma facilidade maior para dormir.

No Brasil os tratamentos terapêuticos envolvendo animais começaram a ser desenvolvidos no começo da década de 1950, pela psiquiatra Nise da Silveira. O tratamento foi uma alternativa com resultados positivos em relação às terapias agressivas, como lobotomia (retirada de uma parte do cérebro, em épocas antigas, a lobotomia era usada em pacientes com certos tipos de doenças mentais como forma de acalmá-los) e eletrochoque.

maine1“Com o gato ronronando no colo, por exemplo, a pessoa desacelera, pois ocorre a mudança de frequência das ondas cerebrais do estado de alerta para o relaxamento”, diz Hannelore Fuchs, doutora em psicologia e especialista na relação do ser humano com o animal. Faz sentido, pois a frequência do ronrom é entre 25 e 50 Hertz, a mesma utilizada na medicina esportiva para acelerar cicatrizações e recuperar lesões.

Até mesmo a gigante de tecnologia Apple em parceria com o veterináio Gauchet lançou um aplicativo para iPhone que usa o ronrom para amenizar os efeitos que a diferença de fuso horário provoca em viagens. A Universidade de Minesota, nos Estados Unidos, em um estudo realizado em 2008 mostrou que um bichano em casa reduz em até 30% o risco de ataque cardíaco, por ajudar a relaxar e aliviar o estresse. Detalhe só não pode ser alérgico a pelos.

Acredite, segundo uma pesquisa científica sobre posse de animais de estimação, na Grã Bretanha donos de gatos são mais propensos a ter diplomas universitários do que aqueles que têm cães. Pois é, ao contrário dos cães, os gatos não precisam passear e ficam bem em casa sem a companhia das pessoas.

femered 1Dra. Jane Murray, professora de Epidemiologia Felina, que liderou o estudo, disse: “Os gatos necessitam de menos atenção  do que um cão, por isso eles são mais populares entre pessoas instruídas que trabalham até mais tarde e tem longos trajetos”.Quer saber mais? O estudo acima foi  publicado no Veterinary Record jornal.

ilhotes de Gato Gigante Maine Coon Ragdoll Bengal Persa Exótico
O Maine Coon é o maior gato doméstico natural, rústico e comprido do mundo. Encanta pela extrema docilidade e o ar de gato selvagem.
Originário do estado de Maine, o gato gigante Maine Coon é a raça mais antiga dos Estados Unidos (USA)
Originalmente é um gato de trabalho, o Maine Coon é sólido, robusto, e pode suportar um clima severo. 
Uma característica é a sua pelagem lisa, shaggy. Possui um corpo proporcional e equilibrado. Com um temperamento essencialmente amável, ele se adaptou aos ambientes variados, sendo hoje no Brasil, ao lado do bengal uma das raças mais procuradas por gatófilos inveterados. 
Filhote de Gatos gigantes Petclube Coons cattery

 Filhotes encontrados em feiras são considerados "filhotes tão somente para estimação e alguns de origem duvidosa". Em feiras os preços aparentemente atrativos podem esconder algum inconveniente de ordem inferior (saúde debilitada, excesso de cruzamento consangüíneo, mestiçagem)o preço cobrado por um criador sério sempre será superior por vir de reprodutores com linhagem e seletividade respeitável. 

Petclube Cattery Criação Sustentável de gatos Gigantes com amor para companhia Facilitando a Preservação da Mata Atlântica com incremento no Lençol Freático e mitigação do Aquecimento Global.

 

Gatil Premiado Petclube Criador Sustentável com Amor e Carinho na Criação de Gatos
 
whatsapp +55 (11) 96372-9323  / (11) 984854545
(11) 96393-1128 
 
Petclube cat Gatil Ecologicamente Digno e Correto
Fazemos a comercialização de Gatos Gigantes, exclusivamente para Companhia, gatos castrados, facilitando a Preservação da Mata Atlântica e inclusão social pelo IPC. Gatos-Gigantes Mainecoon,Bengal,Ragdoll,Exotic Persian & Mini Gato Toycat -(novid
Gatil Premiado Petclube

E você gosta de gatos? Se estiver pensando em adotar um amiguinho peludo lembre-se das responsabilidades que vem com ele! Abandonar e mal tratar animais é crime! Pratique Posse Responsável.Fonte:www.worldcat.org/title/veterinary-record